No mundo complexo fora dos quadrinhos da marvel, mangás, novelas, textos engajados e outros conteúdos sem o compromisso com o real não existem super-heróis ou super-vilões.

Heróis do mundo real são definidos pelo filtro ético de cada um. Este espaço foi criado para juntar o julgamento pessoal de um monte de gente sobre pessoas que influenciaram a nossa realidade.

Padre José de Anchieta

Biografia: 
Nasceu: San Cristóbal de La Laguna, 19 de março de 1534 Morreu: Iritiba, 9 de junho de 1597 José de Anchieta foi o padre jesuíta espanhol que veio ao Brasil catequizar os habitantes do novo mundo. Em 25 de janeiro de 1554 fundou o Colégio São Paulo, semente da maior cidade da América do Sul. Recentemente foi declarado beato pelo papa João Paulo II.
Lado herói: 
Cumpriu com eficiência a missão jesuíta de converter os índios para a fé católica.
Lado Vilão: 

Cumpriu com eficiência a missão jesuíta de converter os índios para a fé católica.

Taxonomy upgrade extras:

Comentários

Meu povo... vocês não podem julgar um cara de 500 anos atrás com a ótica de hoje... simplesmente não faz sentindo. Vocês devem julgá-lo pelos atos dele em relação à época em que ele viveu. Naquela época se tratava índio como bicho, ao canonizá-los ele os igualou à pessoas coisa que para a época era um grande avanço.

José de Anchieta era apenas um assassino de índios e protestantes, a serviço da igreja católica! A própria igreja já pediu perdão pelos crimes dele.

O Padre José de Anchieta (1534-1597), com atuação no Brasil a partir de 1553, foi canonizado por decreto papal do Papa Francisco em 03/04/2014, depois de ter sido beatificado pelo Papa João Paulo II, em 1980. Veja um pouco de sua história:

Mas, por que só agora Vaticano? Por que tanta demora em canonizar o Padre José de Anchieta?

O padre Simão de Vasconcelos (1597-1671), autor de A vida venerável do padre José de Anchieta, levou a Roma um pedido de beatificação do biografado, mas só seria atendido, séculos depois, em 1980, pelo papa João Paulo II. Contra a canonização de Anchieta pesaria a acusação de ter participado do extermínio de um “herege francês” na costa da Guanabara.

Para saber mais sobre o Padre José de Anchieta estou postando trechos do Livro do Ex-Padre o Dr. Anibal Pereira dos Reis, cujo título é “O Santo que Anchieta Matou”.

“A participação assassina de Anchieta: EMBORA TEIMASSEM os sacerdotes em demova-lo de suas “heresias”, Bollés, na Bahia, permaneceu inflexível nas suas convicções e em anunciar, com ousadia o Evangelho aos circunstantes. Em chegando ao Rio de Janeiro incumbiram Anchieta, há pouco ordenado sacerdote e como neo-sacerdote com todo o fogo inquisitorial, de dissuadir o Pastor de suas idéias religiosas.Se nas masmorras baianas, sofrendo atentados, sua fé permaneceu inabalável perante os assédios da apostasia, não seria o “pe.” José capaz de remover-lhe da consciência a decisão de fidelidade à Palavra de Deus.

Naqueles tempos de espesso obscurantismo religioso, a lei fazia um sacerdote acompanhar o réu ao cadafalso. No caso de Bollés, Anchieta foi quem o seguiu. As últimas instâncias para abjurar o Calvinismo e refugiar-se no romanismo, como todas as investidas anteriores, caíram no vazio. A vítima do ódio clerical, pretérita, permaneceu em sua lealdade a Jesus Cristo! João Francisco de Lisboa reconhece: “com ânimo firme e resoluto, perseverou na sua fé, e afrontou a morte”. Retardou o algoz o desfecho fatal. Dizem que por imperícia, mas na verdade por compaixão do inocente que tendo sido por ele já instruído a cerca do Evangelho.

O fato que Anchieta, de espírito odiento, antecipou-se ao carrasco e enforcou Bollés, um dos mártires evangélicos do Brasil.“E porque o carrasco, talvez condoído, sem coragem de apressar a morte da vitima inocente - ele mesmo, o santo José de Anchieta”, no dizer do católico Arthur Heulhard, ”acaba de matá-lo, dizendo, ufano, ao carrasco acovardado: Eis a como se mata um homem! VOl LA COMM IL FAUT FAIRE (ROY DEL’AMERIQUE, pgs. 170-171, obra essa publicada em 1897 por ocasião das festas do tricentenário de Anchieta, em cujas páginas também classifica Villegaignon de “O Caim da América”). E Anchieta se tornou além de responsável por tantos crimes perpetrados sobre tudo contra indígenas indefesos, culpado também da torpíssima ação de ser algoz de um SANTO” (Dr. Aníbal Pereira dos Reis”.

Foi correta a beatificação e a canonização de Anchieta?

Bem, se o padre José de Anchieta foi vilão ou não, não sei, mas tenho certeza absoluta de que a Igreja canonizou muito santo do pau oco. Tem muitos católicos rezando para o "capeta".

No fim da vida de tantos que aqui opinaram, comentaram, que vivem a ofender a Fé Católica, e que não a respeitam como exigem ser repeitados... Ele (Pe. José de Anchieta) e tantos outros que vocês ofendem esperam por vocês no fim de suas vidas. A qual está na mão do Criador. E, não por méritos e capacidades tuas, caro jovem espertinho!

Lembrem-se de chamar um padre quando estiverem gelados em seus caixões, afim de dar o perdão pelas tamanhas obras de desrespeito com o outro.

Se você não é católico e não vive ou professa esta fé não ocupe seu tempo tentando entendê-la e pior, ofendê-la pois você NÃO CONHECE. Vá atras de seus ideias e respeite o que pensa diferente de você.

Deus te acolherá e te amará, mesmo sendo tarde demais.

Amigo, você deve ter uma Bíblia em casa, então abra-a, e crie o hábito de lê-la; você descobrirá que: 1- Padres não podem perdoar pecados. Apenas Deus e o seu filho, Jesus podem fazê-lo. 2-Depois da morte não há perdão de pecados; não há purgatório. É aqui e agora que devemos obedecer ao Senhor, e praticar o amor. Abraço e que Deus abençoe você e sua família.

É uma pena ver pessoas como você, escrava de dogmas humanos, que procuram se apoderar da consciência humana de que apenas eles detêm o poder de conduzir o homem a Deus.... Ninguém precisa de um padre em seu leito de morte! Deus transcende esse seu entendimento cauterizado pelo ensino desses religiosos.

Homem não perdoa pecados, somente Deus...esta é somente uma das facetas e dos muitos crimes cometidos pela igreja romana de Constatino, na qual o anjo de Deus no livro de apocalipse cap 9. sai dela povo meu , para não ser contado com seus crimes.

Nem mesmo era brasileiro. Comungava em punições físicas severas sobre os índios que não aceitavam a imposição religiosa. Foi cumplice na morte de dois missionários estrangeiros. Viveu na sombra do seu contemporâneo que defendia a tese do bom selvagem.
Santo descaído e engodo romanista.

Estima-se que os católicos tenham tirado a vida de mais de 80 milhões de pessoas.

Então existe um lugar, onde tudo é perfeito, a mata, os animais, os rios, os peixes e o homem, todos vivendo em simbiose e em harmonia, me diga se qualquer pessoa que chegou aqui para devastar, matar e mudar a cultura dos que aqui habitavam é digno de ser considerado santo?, não acredito nisso, não acredito na santidade dessa pessoa, mesmo com a melhor das intensão ele destruiu culturas, ele interrompeu o ciclo harmônico de criaturas que Deus criou e que viviam no paraíso. Aos religiosos fanáticos eu pergunto: Qual a visão de vocês de paraíso? e de céu?. Assistindo o filme Avatar, que é pura ficção para a maioria das pessoas que o assistiu, me dei conta de que Pandora já existiu, e foi aqui, onde moramos hoje, onde tudo era mágico e o que o ser humano precisava estava ali, no rio do lado do meu prédio e na mata que dominava o ambiente onde moramos hoje. Santo!!, quem?, me diga quem é que merece esse título?

Engraçado o sistema de beatificar e santificar. Homens santificando homens. Existe no cemitério de Mossoró uma cova onde foi sepultado "jararaca", cangaceiro do bando do temido Lampião, sendo a mais visitada porque o terrível cangaceiro e assassino obra milagres hoje.
Interessante a idolatria ignorante humana. Santo somente Deus.

Ninguem viuuu,não tem como provarrr,mais ai canonizar e achar q o cara é santo ,é fim da picada,de qq forma onde a fumaça
tem fogo.

Só falo o concreto são assassinos ,me expliquem a inquisição! Hem ?

História[editar] Ver página anexa: Cronologia das igrejas evangélicas no Brasil

Escultura representando a primeira santa ceia protestante no Brasil, em frente à Catedral Presbiteriana, no Rio de Janeiro.No ano de 1532 chegou ao Brasil o primeiro protestante, o luterano Heliodoro Heoboano, filho de um amigo de Lutero, que aportou em São Vicente.4

O protestantismo calvinista chegou ao Brasil pela primeira vez com viajantes e nas tentativas de colonização do Brasil por huguenotes (nome dado aos reformados franceses) e reformados holandeses e flamengos durante o período colonial. Esta tentativa não deixou frutos persistentes. Uma missão francesa enviada por João Calvino se estabeleceu, em 1557, numa das ilhas da Baía de Guanabara, fundando a França Antártica. No mesmo ano, esses calvinistas franceses realizaram o primeiro culto protestante no Brasil e, de acordo com alguns, da própria América. Mas, pela predominância católica, foram obrigados a defender sua fé ante as autoridades, elaborando a Confissão de Fé de Guanabara, assinando, com isso, sua sentença de morte, pondo um fim no movimento. Inclusive, o Padre José de Anchieta é acusado de ter puxado a alavanca de enforcamento de um dos reverendos mortos.

Conhecendo a história cristã de fé evangélica, o referido padre não passa de um grande vilhão.
Perseguiu os protestantes francêses e holandêses, que chegava em solo brasileiro. Existem provas que ele (anchieta) foi quem puxou a alavanca que acionou a guilhotina da morte de um dos protestantes. Perguntamos como pode um homem que fez tanta gente sofrer, morrer, chorar pelo o desaparecimento de seus ante-queridos chegar a ser "santo"? É uma grande aberração. É brincar com sentimentos de pessoas que simplesmente não concordaram com o tipo de fé que este vilhão jesuíta professava.

eu nao quero saber tisso pq e so mesquisa poisso eu do escrevento pq eu nao acretido eu so acretito em Deus nao niso e tambem em papa pelaporne

Vamos voltar a estudar, a ler um pouco, porque seu português tá horrível, não deu pra entender nada!!

gostaria de saber qual o tipo de texto q ele usava

*Quando os primeiros missionários chegaram aqui, nós tínhamos as terras e eles a bíblia; Então eles nos ensinaram a rezar de olhos fechados...
Quando nós abrimos os olhos, eles tinham as terras, e nós, a bíblia!

Para empregar a religião deles, a pagã européia, que alguns chamam de catolicismo, os portugueses exterminaram índios, alguns documentos mostram que eles amarravam índios nas árvores e davam tiro de canhão pra despedaçar o corpo e assustar todos os demais índios, acho que é exatamente isso que o messias falava né? (y)

parabéns aos idiotas, se esse homem é um homem de Deus, nem sei mais o que é ser mau...

Mas se vc tiver uma relligiaoprotestante se nao foce os catolico nao teria varia religioes protestante mane

A Bíblia foi escrita por hebreus desde aproximadamente 3.500 a.c. O Pentateuco, por Moisés e depois outros tantos profetas... Na época de Jesus, foram os evangelistas e os apóstolos ainda no primeiro século da era cristã. Pois bem, a Igreja Católica Romana veio após alguns séculos da era Cristã e não é, nunca foi e nunca será a 'autora' da Bíblia. Incluiu em seu cânon bíblico alguns livros apócrifos dentre os cerca de 140 existentes. Portanto, os protestantes remetem ao nosso pai na fé Abraão e seus descendentes Isaac e Jacó... Vindo o próprio Senhor Jesus para completar a obra da salvação. E quis Jesus, contar com seus discípulos e apóstolos. Assim, não dependemos e não somos 'rebeldes' do catolicismo! Reconhecemos que foram os católicos que guardaram essa preciosidade que é a Bíblia para nós outros. Mas é como quem guarda algo que não lê, não conhece, não entende. Amo os católicos e até admiro a impressionante fidelidade à sua fé. Mas o que lamento é como são conduzidos ao ensino totalmente enganoso onde se mistura o bíblico e o anti-bíblico. Mas amo os católicos, de coração!!!

oh, eu não estava lá e não sou testemunha de nada, na minha opinião só o fato de chegarem aqui e matarem tudo que era indio e aqueles que fossem contrarios a religião católica pra mim já basta......como um padre se sujeita chegar aqui de boa junto com um bando de exploradores ve os caras fazer barbarias com os indios, suas mulheres e filhos e o sacana ficar na dele só tomando agua de coco e olhando pra lado como se nada tivesse acontecendo.......oras ,coisinha miuda este padre anchieta não??? francamente a religião católica deixa muito a desejar no quisito respeito ao proximo.....se sou católica?? fui criada em colegio interno de freiras , missa todas as manhas,batizada crismada primeira comunhão , catolica apostolica romana do tempo que a missa ainda era em latim, derrepnte descobri que tem muita coisa por tras de tudo issi, muito interesse, Papa vestido com bordados em ouro tronos no mesmo material,padres apavorando as crianças...conventos com calabouços cheio de ossadas de crianças , o tempo se encarregou de me fazer consiente de que estava no caminho errado......Deus não é isso, Jesus viveu a simplicidade, defendeu o direito de opinião até seu ultimo suspiro, e nos mostrou que tinhamos escolha sim......o livre abitrio.....então,tristemente me afastei da igreja catolica, mas não de Deus.....pois uma coisa aprendi no decorrer destes anos de vida, a fé não esta num padre numa freira num Papa, está sim dentro de nos......e o bom senso me faz crer que fiz a escolha certa.(visto tudo o que tem vindo a tona nos ultimos tempos)

"uma coisa aprendi no decorrer destes anos de vida, a fé não esta num padre numa freira num Papa, está sim dentro de nos'"
Entao finalmente podemos concluir que o problema não estava nem esta na igreja catolicas mais em fim em nossas decisoes e atitudes"Maldito o hemem que acredita em outro "padre,freiras etc sao carnes.......

Vilão. Assassino a serviço da Inquisição papista.

Não é preciso recorrer a documentos ou depoimentos históricos para definir que espécie de vilania há neste caso.
O processo de beatificação é parte integrante do processo de colonização. Para além de se apropriar das terras de outros (na verdade as terras não são de dono nenhum, mas os espaços devem ser respeitados), deve-se destruir a fé destes povos. Tupã (a entidade que a fé católica relacionou a seu Deus) era o som do trovão. Jurupari (depois considerado o diabo) era o culto mais difundido.
Somente os três milhões de índios que viviam aqui antes da chegada dos europeus podem responder esta pergunta de forma indubitável. Tiveram suas terras saqueadas, seu povo massacrado e todas as suas crenças desrespeitadas. Todos que eram míopes o suficiente para participar de um processo etnocêntrico e homicida são parte do modelo de vilania instaurado e justificado por leituras parciais de livros escritos há mais de dois mil anos atrás.
Quanta ignorância foi perpetrada através destas falsas desculpas, ideologias e crenças.
Mas, apesar de tudo, este personagem, além de vilão, também foi vítima. Vítima de seu próprio fanatismo, de uma visão distorcida da qual tornou-se criatura e criador.
Mas não se enganem...
O veredito é de culpado por não querer perceber e enxergar outras alternativas. De não querer respeitar e perceber a humanidade de outros através de sua fé e crenças distintas.

pedi o que ele fez na igreja de imprtant

sei lah o q foi...pedi o q ele fez de importante na igreja...

Os jesuitas tinham o seguinte hábito segundo os documentos guardados na sede da Companhia de Jesus : Catequizavam os índios e batizavam porem aqueles que quisessem voltar a vida antiga e livre dos indios ( nus, poligamos etc, ) poderiam ser mortos pois afinal já estavam batizados como cristãos e iam para o céu.

Como padres não impuseram uma religião nem modo de vida aos índios que viviam no brasil. Eles foram independente de padres, homens que doaram suas próprias vidas para pregar independente da religião o livro sagrado, A Bíblia, a seres humanos que como base iniciaram-se em um caminho para sair do ateísmo,democraticamente qualquer outra religião poderia tê-lo feito, mas preferem criticar apontar erros e defeitos a todos que trabalham, normalmente só sabem criticar quem faz algo, exemplo o nobre Sr. Padre José de Anchieta que tem um histórico de vida invejável pelo seu amor para com todos e em especial pelos índios que aqui viveram com sua cultura e que sofreram tanto com a colonização do Brasil, e se não fossem eles para acrescentarem o evangelho à cultura desses povos indígenas, os índios não estariam encaminhados ao desenvolvimento cultural dos povos nômades tão importantes para a civilização. O índio nasce índio e isso não significa que o índio não tem o direito de morrer índio nômade contanto que ele não perca a sua forma de vida. Qualquer religião tem o direito constitucional de expor sua crença para qualquer povo ,compete a cada ser humano ouvir crer e escolher a sua, os padres não colocavam armas nas cabeças dos índios e obrigavam a eles a crer, eles por livre e espontânea vontade ,entenderam e quiseram mudar e fazer parte de uma nova cultura. Eu pergunto aos nobres colegas que criticam, se eles trocariam seus computadores pela velha máquina de escrever. É claro que sempre haverá um que diga que sim e eu respeito sua opinião pois é seu direito,como também foi e é o direito de qualquer ser humano evoluir e ao mesmo tempo manter sua tradição e cultura. Se pelo poder e domínio da igreja católica os índios foram catequizados, isso não significa que pelo poder e domínio de qualquer outra religião também poderia tê-lo feito. E pergunto ainda, qual religião não coleciona péssimos exemplos?

sei!

Saiu misturando tudo. É falta de conhecimento ou de compromisso com a verdade afirmar que a igreja católica não impos a sua religião aos indígenas. Os jesuítas eram padres-soldados do papado romano e da inquisição. Vieram para o Brasil para catequisar os índios e explorar as riquezas Novo mundo em favor do poder romano. Tal é assim que Marques de Pombal os expulsou do Brasil.

acho que temos o livre arbitrio, jesus era simples ele e o exemplo de humildade e amor, quantas barbaridades o cristo viu e pediu ao pai misericordia para a humanidade o padre jose de anchieta viajou com um bando de exploradores para uma terra desconhecida e veio catequizar falar da fé,pois sem o evangelho de jesus nunca chegaremos ao pai eterno.então antes de julgarmos vamos analizar se teriamos coragem de vim para uma terra desconhecida sem nossas mordomias, sem familia,estando prontos para servir com amor e respeito.muitas vezes temos preguisa de ajudarmos os que estão bem proximos de nós com o nosso egoismo não temos tempo nem coragem de pará um pouco e olhar ao nosso redor e ver se tem alguem precisando de uma palavra amiga um abraço de simplimente pará para ouvir. Falar e julgar e facio e comodo e bom,dificio é seguir os exemplos que são varios então no lugar de falarmos vamos tentar fazer algo e deixarmos exemplos não para uma multidão que é dificio mas pelo menos para os mais proximos,fazer uma mente instruidas no que pessamos e facio dificio é ter uma mente instruida e amor no coração. tente ler mais e fazer algo de bom ocupe o seu tempo que e muito precioso com cisas ulteis . um abraço que deus te abençoe.

O teu "facio" e o teu "dificio" já são suficientes para demonstrar a tua "santa" IGNORÂNCIA que para ti deve ser "INGNORANÇA"

desde da epoca da Santa inquizição onde a igreja queria o poder e tambem o dominio porque não vir ao brasil para consiguir o que ate hoje ela faz dominar os meios politicos e o povo hora meu como voce diz que esta besteira seu ignorante so pode ser desses catolicos fanáticos que a mãe sonha ser o um padre, muito bem a questão nao e a religião e sim o forçar porque ser ensinado a biblia se a seculos viveram a sim e como fazer isso simples vamos aterrorizar alguns para ver o que acontece e ainda o vem justificar imagina so para se hoje voce vir ao domingo a igreja nao importa a religiao eu teria de sequestrar sua filha ou sua mulher e manter em cativeiro para voce seguir a religião era isso e coisa pior por isso que as coisas sao ate hoje assim imagine se a uns 500 anos o edir macedo for considerado um salvador por que voce ve o seu lado bom mais nao seu lado que e mais mal ele e so exemplo de muitos somos feitos por historias estude um pouco seu fanatico .Qual e a diferença em roubar uma tv e roubar um milhao e de matar um mendigo e depois um arabe e lembre-se no Brasil vieram para explorar nao colonizar e a facçao mais sinistra da igreja veio fazer esse serviço na africa na india na america esses mostros o papa deu titulo de santo e nao biblia os mandamentos que foram mudados para beneficio deles e melhor eu parar se eles me matam 1 igreja 2 mafia sao perigosos , eles são o poder paralelo mandam na politica nas cidades, no brasil e um terço no mundo porque nao mexem no mundo islã e isso o poder e sim mais Deus nunca tem a maiorias do bens graça a Jose de anchieta ????? alexandre ruiz

Homem extraordinariamente vil, à serviço da igreja romana e da corôa portuguesa. Vejam: "Em 1559, Anchieta e Nóbrega teriam aconselhado o governador-geral Mem de Sá a condenar à morte o alfaiate e missionário calvinista Jean Jacques Le Balleur, que desertara, ameaçado de morte, da França Antártica, por pregar sua fé em São Vicente. Após longa prisão, em 20 de janeiro de 1567, no Rio de Janeiro, negando-se o carrasco a executar Le Balleur, José de Anchieta o teria estrangulado, com as próprias mãos, ato que constituiu, por longo tempo, entrave a sua beatificação. Biógrafos de José de Anchieta negam esse acontecimento." Mário Maestri. http://www.novae.inf.br/site/modules.php?name=Conteudo&pid=936 e http://www.novae.inf.br/site/modules.php?name=Conteudo&pid=945

Biógrafos negam esse acontecimento,afirma e escreve ainda que TERIAM DESERTADO ... O TERIA ESTRANGULADO. Não seja leviano não afirme o que não é provado, escrever Homem Extraordinariamente vil é condenar sem provas você estava lá, provavelmente viu tudo para afirmar tal absurdo, você provavelmente não acredita nos historiadores ,pesquisadores e estudiosos fato lamentável seus argumentos não tem base cientifica e sim apenas suposição.

Do mesmo jeito k vc não estava lá pra ter certeza que o cara é santo.

As provas de sua vilania encontram-se em seus próprios escritos, cabe ao colega lê-los antes de se tornar o advogado de Anchieta, até mesmo para formar uma mentalidade menos apaixonada e mais racional acerca deste importante período histórico do Brasil.

Que estava à serviço da igreja romana e da corôa portuguesa penso não haver dúvida alguma, Ok colega, o "vil" pode ficar por minha conta baseando-se nos fatos acima. Quanto aos demais acontecimentos, estão nos autos da época. Quanto ao padre ter enforcado o indivíduo ou não com as próprias mãos isso é irrelevante, tendo importância apenas para a própria igreja a que ele servia para servir de base à canonização ou não o indivíduo. É risível que tal instituição, igreja romana, autora dos mais detestáveis horrores e genocídios contra a humanidade se creia apta a canonizar alguém... Bem, importante é que essa instituição, a que Anchieta serviu fielmente, levou ao cativeiro e à morte milhares de judeus, protestantes, enfim qualquer não-católico romano. As demais narrativas dos massacres de Tamoios e incêndios às suas aldeias são narrativas do PRÓPRIO ANCHIETA. Isso encerra a discussão?

Que estava á serviço da igreja católica romana e da coroa portuguesa '' penso '' não haver duvida alguma. Ok, Vamos lá ... 01. '' Santa Fé '' Todo ser humano tem o direito de escolher seu caminho em relação a sua fé independente se esta certo ou errado. 02. Se uma pessoa condena outra religião abertamente está desrespeitando a democracia e a liberdade de escolha de cada um, portanto '' Santa ignorância'' é um desrespeito a fé e crença das pessoas. 03. '' penso não haver duvida alguma.'' ''Penso'' Não é afirmação é dúvidas e se esta em dúvidas estude mais, pois dúvidas não é certeza, e para apenas escrever tendo dúvidas, melhor ficar calado, pois devemos ter certeza, provar e ter elementos que definam uma condenação, não apenas escrever '' penso não haver dúvidas alguma. 04. '' Ok colega.'' Não tenho colegas que injustamente escrevem suposições,meus colegas pregam o amor não ódio às pessoas, às igrejas, às religiões, nem muito menos condenam quem errou ou não errou. 05. '' O vil pode ficar por minha conta baseando-se nos fatos.'' Vil, realmente deve ficar por sua conta,para sua opinião pessoal a qual respeito, e não afirmar isso em um fórum. 06. '' baseando-se nos fatos acima...'' Pergunta-se, onde está fundamentada a sua verdade. Condenar o Padre com base em hipóteses é negligenciar a história . 07. '' quanto aos demais acontecimentos, estão nos autos da época.'' ''Acontecimentos'',... me prove que o padre José de Anchieta assassinou alguém. ''Acontecimentos'' é afirmação. 08. '' estão nos autos da época.'' Suposições! Teriam! Teria! ... Me apresente um documento oficial que prove que Anchieta é um assassino. Portanto não condene, não afirme com convicção, a menos que sua causa seja condenar a igreja. Sendo assim,será impossível tentar mostrar que são suposições e sim fatos. 09. ''Quanto ao padre ter enforcado o individuo ou não com as próprias mãos é irrelevante, tendo importância apenas para a igreja católica que ele servia para servir de base a canonização ou não o individuo '' Onde estão as provas que o padre matou alguém com as próprias mãos. Isso realmente é irrelevante. Até que em fim,concordo com você. A questão é que se a igreja canonizou é porque tem conhecimento que não há provas que Anchieta foi um assassino. 10. '' é risível que tal instituição, igreja romana, autora dos mais detestáveis horrores e genocídios contra a humanidade se creia apta a canonizar alguém ...'' Lamento se é cômico para você. Se te provoca risos. Não vejo graça alguma condenar o padre. É aproveitar a oportunidade para condenar a igreja , o foco principal é José de Anchieta e não a igreja católica. Qual igreja nunca errou? Qual é a diferença de roubar um banco e roubar um real? Nenhuma. Roubo é roubo! Você nunca errou? Você é a favor da paz? Pregue a paz, não o ódio. Não levante uma bandeira contra a guerra. Levante uma bandeira a favor da paz. Você escreve com ódio contra a igreja romana, isto não te leva a nada. Só somará ódio em seu viver. Pregue a paz para o mundo. Junte-se a pessoas que buscam melhorar nosso planeta. Não leva a nada, condenar quem errou ... e se errou!... Se espelhe em grandes heróis como Madre Tereza, Gandni, Anchieta e outros que pregaram a paz e não o ódio. Lembre-se que independente da religião do padre a quem ele serviu , ele foi um homem que é um exemplo para a paz. Não é uma suposição que vai tirar o mérito do extraordinário sacrifício e luta pelos ensinamentos bíblicos aos índios. Quanto a canonizar alguém... é o direito de cada religião seguir seus costumes certo ou errado. Não cabe a ninguém condenar ou ridicularizar a crença e fé de cada pessoa. Pr mais que você não concorde com tal religião você deve respeitar , só Deus jugará a cada um. Volto a afirmar:___ Pregue a paz. 11. '' bem importante é que essa instituição ,a que Anchieta serviu fielmente, levou ao cativeiro e a morte milhares de judeus, protestantes, em fim qualquer não católico romano.'' Volto a afirmar, o foco principal não é a instituição que Anchieta serviu. Só falta você começar escrever da família dos amigos dos parentes de Anchieta. Não duvido! Não é importante como você afirma. Seria se o tema fosse '' A morte de milhares de judeus e protestantes ou qualquer não católico romano''. e sim Anchieta herói ou vilão. 12. '' As demais narrativas dos massacres de tamoios e incêndios as suas aldeias são narrativas do próprio Anchieta.'' O padre José de Anchieta educava e catequizava os índios, e defendia dos abusos dos colonizadores de Portugal que escravizavam e se apoderavam de filhos e mulheres dos índios. Também intermediava negociações entre os índios e os portugueses. Foi feito de refém e arriscou por varias vezes sua própria vida ,pela paz. As narrativas do massacre de tamoios e incêndios, refere-se aos colonizadores de Portugal e não ao padre José de Anchieta, foco de discussão deste fórum. Ótimo momento de refletir sobre estes acontecimentos. Consulte;__ ''Anchieta o apostolo do Brasil'' escrito pelo maior biógrafo de Anchieta, com base em documentos, o autor contradiz a versão que Anchieta é um assassino. Isso não encerra a discussão. Suas afirmacões não têm fundamentos cientifico.

Eis o que o canonizado e futuro santo relata de próprio punho: Anchieta canta a morte de velhos, adultos e crianças, o incêndio de aldeias, os campos talados para ultimar pela fome o inimigo abatido, segundo a glória e a vontade de deus, com a “bandeira da cruz na vanguarda”. “[...] decididos a exterminar o inimigo e devastar-lhe com a vingança do fogo todas as casas”, “devastam os campos e lançam nas ocas o incêndio”. “Então o vencedor exultando entrega as aldeias à voragem das chamas ferozes.” “Quem poderá contar os gestos heróicos do Chefe [Mem de Sá] à frente dos soldados, na imensa mata! Cento e sessenta as aldeias incendiadas, mil casas arruinadas pela chama devoradora, assolados os campos, com suas riquezas, passado tudo a fio de espada!” Um excídio que se arrasta por dias a fio, até que o braço implacável do conquistador se aplaca, cansado. “Já há quinze dias, [...] nosso exército a percorrer densas matas, incendiar casas, talar campos, matar inimigos. Era tempo de voltar aos lares, rever igrejas, casas de Deus, levando em triunfo o pendão da vitória.”

''Um santo bastante em comum...'' A discussão não é se ele é ou foi santo. Em poucas palavras. Santo, é você que está afirmando. ''Bastante incomum...'' Sim, pois você só esta aqui no Brasil se é que está em virtude da colonização portuguesa independente dos métodos que não leva a nada jugar pois já foi feito, que pena que você não estava lá para impedi-los, como o padre gostaria de telo feito, mas como já afirmei ele seria executado se o tenta-se, ai você talvez o teria como herói. Não vou contestar a respeito disto porque o tema não é este e você insiste desviar suas afirmacões em relação que Anchieta foi um assassino, prove. Você copia um texto, onde o padre escreve, arrasado pelas atitudes dos colonizadores,tentando provar oque. Não vou traduzir o texto para você que tem pouco entendimento e não consegue distinguir uma coisa da outra, pois sua causa é condenar e não entender que o padre Anchieta não é um assassino.

"Não vou traduzir o texto para você que tem pouco entendimento e não consegue distinguir uma coisa da outra,"

Sem perceber, ou por filiação de ideias você repetiu no século 21 exatas palavras do genucida Padre Achieta e seus pares colonizadores, com relação aos índios... leia a seguir
"É contra esses seres incapazes de aderirem, pela compreensão e convencimento, aos preceitos civis e religiosos cristãos, que se abate a ira vingadora e civilizadora de Mem de Sá, expressão excelente de uma providência divina que não se acanha em intervir diretamente no combate do bem contra o mal, do “dia” contra a “noite”, de Cristo contra o Demônio, do cristão contra o antropófago, do lusitano contra o americano, do “Norte” contra o “Sul”. "
Que tal você descobrir o endereço através do IP do comentarista, pegar um canhão, ir até a casa dele e explodi-lo como fizeram seus compares de ideia?

Certamente daqui a três centenas de ano, um infeliz te canonizaria também

Há realmente dúvidas se Anchieta foi ou não assassino, entretanto há grande probabilidade de o ter sido dado o enorme período de tempo que a igreja a que servia levou para canonizá-lo. Outra evidência do seu temperamento se pode encontrar no relato que ele ufanicamente faz do extermínio genocida dos índios brasileiros levado a cabo pela corôa portuguesa com auxílio da sua igreja. A leitura e a compreensão desse texto não deixa dúvidas quanto ao seu caráter exceto nas pessoas movidas pela fé e não pela razão. Seria bom a ler novamente o texto com atenção e isenção e, se persistir alguma dúvida procurar em alguma biblioteca livros de história do Brasil, preferencialmente não escritos por padres. "O Povo Brasileiro - O Sentido e a formação do Brasil" do Darcy Ribeiro, entre outros autores sérios, pode ajudar a compreender um pouco melhor do assunto. Obrigado pela oportunidade do embate, para mim isso se conclui aqui, não tenho mais nada a acrescentar tampouco a retirar do que já afirmei.

porque ele veio para o país para receber onde da igreja e do governo potugueses dos orgão que servem somente para alienar

claro q ele foi um heroi e um grande heroi.tudo o q ele fez foi p o bem de todos

Matar alguém Não é para o bem de todos, Anchieta puxou a alavanca da forca para matar um pastor ciosa que o carrasco recusou fazer por ver que aquele pastor era um santo homem de Deus, Então ele é santo ou carrasco?

caro anonimo, voce diz que o que ele fez foi para o bem, o bem de quem?
seviu apenas aos propositos espurios do imperio romano. ao matar na guilhotina os missionarios protestantes na baia da guanabara, envenenar indios , conquistar grandes quinhões de terras que até hoje pertencem à igreja católica.
ainda bem que terminaram reconhecendo isso, só esperaram o tempo passar para apagar a memoria escandalosa da população.
EMFIM SANTO !!!!????

Páginas

Comente

Filtered HTML

  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <blockquote> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Atenção:

Não há censura de opinião nos comentários, mas o vc é o responsável pelo que escrever. Ou seja, aqui vale o Yoyow (You Own Your Own Words).

Lembre-se: Opinião é diferente de informação.

Informações sem fonte ou que não puderem ser checadas facilmente podem ser deletadas.

Serão apagadas sem dó mensagens publicitárias fora de contexto, spam usado para melhorar a posição de sites e outras iniciativas de marqueteiros pouco éticos.

Respeite as regras básicas Netiqueta.

Grosserias desacompanhadas de conteúdo, coisas off-topic e exagero nas gírias ou leet que dificultem o entendimento de não-iniciados tb não serão toleradas aqui.

Vou apagar sumariamente todos os comentários escritos inteiramente CAIXA ALTA, mensagens repetidas e textos que atrapalhem a diagramação do site.

Além de prejudicar, a leitura é falta de educação.

Não publique tb números de telefone, pois não tenho como checá-los. As mensagens com números de telefone serão apagadas inteiras.

Obviamente, qq conteúdo ilegal tb será deletado sem discussão.

Evite também mensagens do tipo "me too" (textos apenas concordando com o post anterior sem acrescentar algo à discussão).

Clique aqui para ver algumas dicas sobre como escrever um texto claro, objetivo e persuasivo.

Todas os comentários são considerados lançados sobre a licença da Creative Commons.

Se você não quer que seu texto esteja sob estes termos, então não os envie.

Creative Commons License

br101.org by br101.org is licensed under a Creative Commons Attribution-Share Alike 2.5 Brazil License.

Nenhum produto M$ foi usado na construção destas páginas.
Este site usa Drupal (Apache, PhP e MySql).

Se vc quiser tentar aprender a fazer um site igual a este usando softwares livres, vá até o weblivre.br101.org e leia:

Como fazer um website de verdade?

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons License.

Support Bloggers' Rights!
Support Bloggers' Rights!

Nenhum produto M$ foi usado na construção destas páginas.
Este site usa Drupal (Apache, PhP e MySql). Na manutenção uso o Quanta+ e Gimp (no Gentoo).

Powered by Drupal